jueves, 15 de noviembre de 2012

Risoto de aspargos verdes e presunto parma

Ingredientes
350 g de arroz arbóreo
2 colheres (sopa) de manteiga
sal e pimenta do reino (a gosto)
 suco de um limão 
 1,5l de caldo de legumes (aproximadamente)

alho poró (utilizei aproximadamente duas colheres de rodelas já cortadas)
presunto de parma (utilizei aproximadamente 6 fatias)
aspargos verdes (utilizei 10)
e queijo parmesão ralado na hora (a gosto)

Preparo
Pique os aspargos (já higienizados). Se necessário, corte e descarte as extremidades dos aspargos (caso elas estejam duras ou fibrosas). Corte a parte macia em pedaços regulares e reserve. Deixe as pontas inteiras para decorar (e também porque são gostosas de comer inteiras).



Corte o alho poró em fatias finas. Lembre-se de higienizar bem antes de usar.



Também corte o presunto em fatias finas e reserve.

Em uma panela, derreta a manteiga (com sal e pimenta do reino, a gosto) e doure o arroz - mexendo bem para garantir que todos os grãos vão dourar.



Eu prefiro acrescentar o alho poró depois que o arroz já está dourado e mexer para incorporar bem - mas há quem prefira dourar (levemente) o alho poró antes de colocar o arroz - fica a seu critério.

Após dourar o arroz (e misturar o alho poró), acrescente o suco de limão e mexa bem. Normalmente, neste ponto da receita, é utilizada uma pequena dose de vinho branco - o limão é uma dica da Vânia (do gulosoesaudavel.com.br): provei a dica uma vez em que não tinha vinho em casa e gostei tanto do resultado que venho repetindo... mesmo quando tenho vinho em casa.


Acrescente o caldo de legumes (ele deve estar quente, mas não fervendo) aos poucos, sempre mexendo para o amido do arroz desenvolver bem - e o prato final ficar cremoso.


Como eu prefiro os aspargos mais crocantes, acrescentei os pedaços cortados quase no fim (quando o arroz já estava quase cozido).

Para quem prefere o aspargo mais macio, melhor acrescentar na hora que estiver dourando o arroz.



Por último, acrescente o presunto parma...


... e as pontas dos aspargos (novamente: eu prefiro os aspargos mais crocantes e, por isso, deixo pouco tempo para o cozimento deles).

O ponto do risoto é quando o arroz já está cozido (mas ainda al dente) e ainda tem caldo (não deixe secar totalmente) - caldo esse que, graças ao amido do arroz, deverá estar cremoso.





Para terminar, prove o sal (e acerte, se necessário) e sirva imediatamente, com queijo parmesão (ralado na hora) por cima.

E bom apetite.

2 comentarios:

Guloso e Saudável dijo...

Bom dia Daniel,
Que bom risoto, hummm, de espargos e PARMA, delicia, gostei muito da receita, simples, bem explicada.
Obrigada pelo link.
Bom feriado, beijo,
Vânia

Lenita dijo...

Olá Daniel,
Este risotto é magnifico!
Adorei o passo a passo.
Bjs