miércoles, 31 de octubre de 2012

Massa de abóbora

Happy halloween!

Então.... obrigado a todo mundo que ainda tem paciência para entrar aqui de vez em quando e comentar e tudo mais.

Eu continuo correndo e muitas vezes fico devendo respostas e visitas e comenários... mas é a vida...

Aproveitando o halloween (sem mimimi cultural), e a partir da ideia de Pumpkin cinnamon rolls, do Foodwishes, fiz esta massa de abóbora (usando metade para fazer rolinhos e a outra metade para fazer tipo donnuts  assados).

Ingredientes
1 envelope de fermento biológico seco
3 colheres (sopa) de leite condensado
100ml de iogurte desnatado
100ml da água (utilizei a do cozimento da abóbora)
500g de abóbora (jerimum leite)
5 colheres (sopa) de açúcar
essência de baunilha
700g de farinha de trigo
100g de maisena

Mais:
manteiga, açúcar e canela



Preparo
Limpe, descasque e corte a abóbora. Cozinhe (em água pura mesmo) até ficar bem macia. Reserve 100ml da água do cozimento (até ficar morna).

Processe a abóbora (ou amasse, ou bata no liquidificador) até obter um purê homogêneo.

Misture as cinco colheres (sopa) de açúcar e gotas de essência de baunilha e leve ao fogo (para ficar com textura de purê mesmo). É possível colocar mais açúcar, mas, no meu caso, eu queria a massa apenas levemente adocicada.

Reserve o purê até ficar morno.

Antes de fermentar
Em uma vasilha, misture o fermento biológico e o leite condensado. Acrescente a água do cozimento da abóbora (importante esperar ela estar morna: se estiver quente demais, o fermento pode não funcionar). Deixe fermentar por 20min.
Já fermentada

Em uma vasilha grande (ou em uma superfície lisa - mas eu prefiro a vasilha porque faz menos bagunça), coloque 400g de farinha de trigo e acrescente a mistura fermentada, mais o iogurte.

Misture até incorporar totalmente a farinha aos ingredientes líquidos.

Acrescente o purê de abóbora (também enfatizo a importância de ele estar morno) e misture até a massa ficar homogênea.


Antes de fermentar

Acrescente o restante da farinha de trigo (300g) e a maisena (100g). Minha intenção era fazer uma massa mais macia (para uma massa um pouco mais firme, eu sugiro acrescentar mais 100g de farinha de trigo).

Já fermentado
Cubra a vasilha e deixe fermentar, até dobrar de tamanho (aproximadamente 30min).

A partir deste ponto, dividi a massa em duas partes. Da primeira, eu fiz rolinhos de abóbora com canela:


 Em uma superfície enfarinhada, abra a massa com o auxílio de um rolo 9também enfarinhado). Unte a massa com manteiga, açúcar e canela (quantidades a gosto), deixando uma borda limpa para fechar o rolo.




Enrole a massa, arrematando na parte limpa.


 Corte em fatias.


Organize as fatias deitadas em uma forma (deixe um espaço entre as fatias e reserve: a massa vai continuar fermentando até os rolos colarem uns nos outros.

Leve para assar em forno médio, pré-aquecido, por aproximadamente 25min (até a massa ficar dourada).






Da outra metade da massa, fiz algumas rosquinhas.





Separe porções de massa, polvilhe-as com farinha (para conseguir modelar). Faça uma bola de massa e abra um furo no meio. Ajeite em uma forma enfarinhada.


 Leve para assar em forno médio, pré-aquecido, por, aproximadamente, 25min.

Sobre alguns eu passei a mistura de manteiga, açúcar e canela. Sobre outros não. Fica a gosto mesmo.

A massa fica bem macia e com uma cor bem legal. E o melhor de tudo: a casa ficou com cheiro de canela!

:)




Bom apetite e... trick or treat!!
XD

4 comentarios:

Guloso e Saudável dijo...

Bom dia Daniel,
Ótima sugestão e receita, depois vou experimentar, gostei muito da receita e explicação.
Beijo,
Vânia

www.amsk.org.br dijo...

Vou tentar fazer Daniel, achei muito legal e não conhecia. Como está bem explicado, vamos la.

bjs

Lenita dijo...

Olá Daniel,
assim que soube desta que tinhas feito esta receita vim a "correr" espreitar!
Gostei muito do passo a passo e tudo tão bem esplicado.
As minhas massas sempre levam muito tempo a levedar, mesmo colocando dentro do formo morno, precisam de pelo menos 2 horas! Fico admirada com a 1/2 hora de que falas, bem sei que tem muitos factores envolvidos e entre eles o fermente que eu sempre uso do fresco e tu aqui usaste seco.
O aspeto está fantástico, uma massa linda e com certeza muito saborosa, eu gosto imenso de abóbora.
Bjs

Daniel dijo...

Ei Lenita, tem também a temperatura local e a circulação de vento (e aqui a cidade é relativamente quente, né?). Eu costumo olhar o tempo por episódios de séries: coloco a massa para fermentar e vou ver um episódio (em receitas mais antigas, eu até recomendava uma série ou outra) - e aí eu considero os 20min de um episódio. Também já fiz algumas massas que ficaram horas e horas fermentando, mas tem um tempo que não faço dessas...

XD