sábado, 26 de mayo de 2012

Chilli verde

Tudo começou com a receita de molho cremosos de salmão com alho poró do Foodwishes. É uma receita de molho para massa (que eu inclusive testei como molho para massa, como dá para ver na primeira foto abaixo) muito boa.

Mas, vendo aquele molho bonito, eu pensei: e se eu misturar com feijão verde (bastante típico aqui em João Pessoa) e fizer um chili verde.

Eu sei que a minha ideia era bem diferente do tradicional Chili con carne, mas achei que valia a tentativa.

Massa com molho cremoso de
salmão e queijo ralado por cima
Ingredientes para o molho

1 colher (sopa) de manteiga
1 alho poró, higienizado, picado
200ml de vinho branco
suco de meio limão
200ml de creme de leite (sem soro)
100ml de iogurte
1 colher (sopa) de mostarda dijon
sal, páprica picante (a gosto)
400g de salmão (sem espinhas ou pele, cortado em fatias de tamanhos regulares)

Preparo
Antes de começar a preparar os ingredientes, misture o iogurte e o creme de leite e reserve. Isso fará com que o creme de leite fique mais espesso (e eu, particularmente, gosto do gosto também).


Derreta a manteiga e doure, levemente, o alho poró (doure o suficiente para que o alho poró fique macio: não é necessário deixar torrar ou ficar muito corado)





Acrescente o sal e a páprica picante, mexa um pouco e adicione o vinho branco.
Deixe o vinho reduzir um pouco e acrescente a mostarda.




Quando o vinho já tiver reduzido, acrescente a mistura de creme de leite com iogurte e abaixe o fogo para o mínimo (essa mistura deve ficar em ponto de fervura - aquele momento em que está prestes a começar a ferver, mas ainda não está levantando bolhas).




Ajeite o salmão (limpo e cortado em pedaços regulares) e aguarde um minuto (para ele começar a cozinhar).
Em seguida, mexa delicadamente (ênfase no delicadamente), para que todos os pedaços de salmão cozinhem nesse molho.




O molho está pronto quando o salmão começa a quebrar em pedaços (como é possível ver na colher). Enfatizo que não é para o salmão virar peixe triturado: quando ele começar a se dividir, desligue o fogo e use o molho (não se esqueça de provar o sal antes de usar o molho).


Feijão verde


Como eu mencionei anteriormente, tendo esse molho bonito já pronto, quis fazer um chili verde. Para isso, cozinhei, aproximadamente 200g de feijão verde (em água e sal) - lembrando que esse feijão cozinha em poucos minutos - e escorri a água.





E, por fim, acrescentei o feijão verde ao molho cremoso de salmão. Não usei nenhuma proporção bem definida: acrescentei molho até achar que havia um equilíbrio entre a quantidade de feijão e a de salmão.


Sirva com doritos (usando os doritos para pegar o molho) e uma pimenta verde leve.


E bom apetite!

8 comentarios:

Guloso e Saudável dijo...

Olá Daniel,
Ficou uma receita bem interessante, também costuma acontecer as receitas inesperadas saírem melhores que as programadas, fiquei curiosa para saborear o chilli verde, ficou lindo.
Beijo,
Vânia

D Augusto dijo...

Inusitado o prato hein. Eu nunca comi nem vi feijão verde, aqui em São Paulo acho que não é um prato usual. Vou procurar conhecer rs
Um abraço
ps acho q eu não sou do tempo da ofélia não hein kkkkkk

Larissa Banister dijo...

Daniel vc é de João Pessoa? Mas que mundo pequeno, sou paraibana de Campina Grande e vim parar aqui no UK. Vamos em dezembro passar 15 dias em João Pessoa com direito a ver o por do sol no Jacaré, ir para Areia vermelha e tomar café da manhã no mangai, acho que meu marido vai adorar kkk Bom fim de semana, beijos =*

Amehlia Digital ® dijo...

Oi cumpadi!
Eu amo feijão verde! Fiquei salivando com sua receita e vamos combinar, muito chique com esse salmão!=)
Adorei a parte do 'ênfase no delicadamente'...pq eu iria revirar na panela...rs
Um abração procê!

Amehlia Digital ® dijo...

(Dani, não pode tirar as palavrinhas p confirmação nos comentários?!
Facilita pra gente, viu?! :)

Daniel dijo...

Ei Amehlia, nem sabia que inha palavras de confirmação nos comentários. Se eu descobrir como, eu tiro sim

:)

Daniel dijo...

Oxe Larissa.. então vc é daqui da PB? sabia não.

em dezembro eu costumo ir visitar a família, mas avisa se vier passear por aqui

XD

Daniel dijo...

D'Augusto, feijão verde é uma das coisas mais gostosas daqui. E o pessoal daqui ainda costuma fazer um prato que chama Rubacão (parece um baião de dois, mas é diferente) que é o meu prato regional favorito. Se tiver oportunidade, experimente.

:)