martes, 20 de diciembre de 2011

Macarrão de geladeira

Como eu disse alguns posts atrás, a correria de fim de ano não estava me permitindo fazer nada mais complexo que macarrão de geladeira.

Como eu disse anteriormente, e como apontou a Mirian, do Pratobarato, é comum as pessoas conhecerem lasanha de geladeira. Já macarrão, não tanto.

A ideia é a mesma: macarrão cru, misturado (com cuidado para que toda a massa fique em contato com molho), deixada na geladeira de um dia para o outro e levada para assar/gratinar no dia seguinte.

Ingredientes
200-300g de macarrão (cru mesmo)
100g de ervilhas congeladas (não use as de latinha)
palmito cortado
queijo parmesão ralado (a gosto)
1 caixa de creme de leite
1 colher (sopa) de mostarda (no meu caso, usei com grãos de mostarda)
pimenta e outros temperos (a gosto)
mussarela para gratinar (a gosto)

O preparo, como já disse, consiste em misturar todos os ingredientes em uma forma refratária, tomando cuidado para que todas as partes de macarrão cru fiquem em contato com molho (se necessário, pode até misturar um pouco de leite). Em seguida, tampe a forma, deixe da noite para o dia na geladeira e, por fim, levar para assar/gratinar.

O amido do macarrão faz com que o molho fique mais denso (mas cuidado também para não colocar molho demais) e o contato do macarrão com o molho, de um dia para o outro, faz com que ele fique macio (como se tivesse sido cozido).

Quando passar a correria, prometo que tento fazer pratos mais elaborados.

^^

4 comentarios:

Guloso e Saudável dijo...

Chef,
Receita diferente, muito interessante, a técnica é utilizada em outros alimentos, nunca tinha visto com macarrão.
Abraço,
Vânia

www.amsk.org.br dijo...

FELIZ NATAL
FELIZ NASCIMENTO,
FELIZ CAMINHO,
LACHO DROM,
LACHO KRECHUNO .

Cozinha dos Vurdóns

Guloso e Saudável dijo...

Chef e família,
Desejamos-lhe e a todos que celebram esta data, acima de tudo, o amor, a paz, a união. Independente de credos, valores como esses, são universais. E são exatamente eles que tornam o mundo melhor e mais acolhedor.
Beijo,
Vânia

www.amsk.org.br dijo...

É tempo de ler as linhas da mãos, com sabedoria e altivez,
com humildade e disernimento.
Se a sorte te visita,
não a deixe fugir,
Se a tristeza te acompanha,
te esforça para recordar os momentos felizes,
a sabedoria sempre encontra o caminho,
a serenidade sempre recobra os sentidos,
a magia sempre ilumina a alma
o céu te protejerá por teto,
as estrelas por manto,
e que a liberdade seja sempre gaiola aberta
a guiar serenamente,
as estradas que se abrem.
Porque são nas linhas da tua mão
que se contam as vitórias,
que se tece o tempo,
que se constroi o presente
que se aprende com o passado
que se colhe o futuro.

FELIZ 2012

COZINHA DOS VURDÓNS