viernes, 2 de diciembre de 2011

Bolo da fortuna (ou bolo do Padre Pio)

Vi a receita deste bolo da fortuna no Basilico e achei a ideia interessante. Comecei a pesquisar sobre ele e vi que também é conhecido como bolo do Padre Pio. 

Tentei descobrir alguma coisa sobre a história do bolo, mas o que consegui foi saber quem é o padre Pio. Sobre o bolo mesmo, o máximo que fiquei sabendo (na Folha) é que ele foi criado no sul da Itália.

Parece que tem uma simpatia/corrente/sei lá o que envolvendo o bolo. Em algumas das receitas, essa   simpatia/corrente/sei lá o que, até soa bonitinha (caso do Paladares aos molhos). Deixei um monte de referências no fim deste post com a receita original e sobre as simpatias/correntes/sei lá o que. Como não faz minha linha fazer simpatia/corrente/sei lá o que e como tive que fazer algumas mudanças na receita, aí vai a minha versão:

Ingredientes
  • 100ml de óleo de soja 
  • 100g de damascos secos (cortados em 4)
  • 100g de avelãs
  • 240g de açúcar (usei 4-5 colheres de sopa de karo, porque estou sem açúcar em casa)
  • 200g de farinha de trigo 
  • 50g de maisena (mamãe costuma dizer que deixa o bolo mais macio)
  • 1 colher (sopa) de fermento químico
  • Essência de baunilha 
  • 3 ovos
  • 1 pitada de sal
  • 2 maçãs verdes (granny smith), com casca, ralada grosso
  • suco de meio limão (para evitar que as maçãs raladas oxidem

Preparo

Misture todos os ingredientes até a massa ficar homogênea.

Coloque a massa em uma forma (já untada e enfarinhada). Leve ao forno médio (pré-aquecido) por 30 minutos.






A massa do bolo fica úmida, lembrando a de um pudim. Melhor, portanto, servir gelado.


Também fiz uma calda com maçãs verdes, limão e karo (de novo, por estar sem açúcar em casa) - ficou ácida e combinou bem com o bolo.

Referências: BasilicoPaladares aos molhos, MissflorindaCozinharcomosanjos

4 comentarios:

Guloso e Saudável dijo...

Chef,
Esta receita é muito interessante, lindo e a falta de açúcar faz com que ganhe sabores mais naturais tal como eram os bolos no inicio, adoçados por frutas secas, frutas e mel.
Abraço.
Vânia

Miriam dijo...

Olá Chef,

Deve ficar bem gostoso, os ingredientes me agradam muito...

Feliz Sábado!!!
1000 Beijokinhas

Executiva de Panela dijo...

Olá! Segui pegadas e cheguei aqui no seu blog. Gostei muito da forma de explicar o preparo da receita. O bolo deve ser maravilhoso. O aspecto está ótimo! Paula www.executivadepanela.com

Lena dijo...

Fiz esse bolo há muito tempo atrás, recebi 1 copo do fermento (na linha simpatia/corrente/sei lá o que)que deve receber acréscimo de leite, farinha e açúcar por 2 dias para continuar fermentando e chegar a 4 copos no fim de 3 dias, assim a gente usa um parte para o bolo e doa 3 partes (fechando a corrente).
Sei dizer que o bolo é inesquecível de gostoso. Inclusive um conhecido gastrônomo provou o meu e ficou impressionado.
O bolo é pesadão, mas não parece pudim, tem mais o jeitão de bolo inglês. Talvez suas alterações tenham modificado demais. Acho que vale a pena conhecer uma versão mais próxima do original.
Acho que independente de corrente (eu não gosto das superstições) o fato de levar fermento natural altera o sabor e consistência.
Comecei uma fermentação em casa para ver se chego num resultado bom.